INVENTÁRIO III

60 PERFORMANCES ANTOLÓGICAS DO CINEMA BRASILEIRO

 Atendendo ao desafio de amigos e fiéis do blog, eu me lancei na  mais difícil e dolorosa das avaliações. Para isso, me obriguei a restringir as escolhas de performances excepcionais a um número pré-determinado de indicações e a um único filme por ator. Desta feita não confiei piamente na minha "memória instantânea" e consultei também dicionários específicos e os sites ADORO CINEMA BRASILEIRO e MULHERES DO CINEMA BRASILEIRO.
 Depois de uma tarde inteira de "negociações" comigo mesmo, cheguei a 60 performances incontestáveis; mesmo assim, fiz questão de incluir (no final) algumas interpretações memoráveis que me fariam adoecer de remorso deixar passar em branco.

ATUAÇÕES FEMININAS
(por ordem alfabética)

Adriana Prieto - em LÚCIA McCARTNEY, UMA GAROTA DE PROGRAMA (de David Neves)
Anecy Rocha - em A GRANDE CIDADE (de Carlos Diegues)
Betty Faria - em A ESTRELA SOBE (de Bruno Barreto)
Carmen Santos - em CIDADE MULHER e ARGILA (ambos de Humberto Mauro)
Celia Olga Benvenutti - em LILIAN M., RELATÓRIO CONFIDENCIAL (de Carlos Reichenbach)
Darlene Glória - TODA NUDEZ SERÁ CASTIGADA (de Arnaldo Jabor)
Déa Selva - GANGA BRUTA (de Humberto Mauro)
Dina Sfat - em MACUNAÍMA (de Joaquim Pedro de Andrade)
Edna de Cássia - IRACEMA, UMA TRANSA AMAZÔNICA (de Jorge Bodanzky)
Eva Wilma - em SÃO PAULO SOCIEDADE ANÔNIMA (de Luis Sergio Person)
Fernanda Montenegro - em A FALECIDA (de Leon Hirszman)
Glauce Rocha - em NAVALHA NA CARNE (de Braz Chediak)
Helena Ignez - em A MULHER DE TODOS (de Rogério Sganzerla)
Irene Stefânia - em FOME DE AMOR (de Nelson Pereira dos Santos)
Íriz Bruzzi - em AS CARIOCAS (episódio de Roberto Santos)
Irma Alvarez - em PORTO DAS CAIXAS (de Paulo Cesar Saraceni)
Isabel Ribeiro - em SÃO BERNARDO (de Leon Hirszmman)
Luiza Maranhão - em BARRAVENTO (de Glauber Rocha)
Leila Diniz - em TODAS AS MULHERES DO MUNDO (de Domingos de Oliveira)
Leona Cavalli - em UM CÉU DE ESTRELAS  (de Tata Amaral)
Lilian Lemmertz - em LIÇÃO DE AMOR (de Eduardo Escorel)
Marcélia Cartaxo - em MADAME SATÃ (de Karim Ainouz)
Maria Gladys - em CUIDADO MADAME e AGONIA (ambos de Júlio Bressane)
Marisa Prado - em TERRA É SEMPRE TERRA (de Tom Payne)
Norma Benguell - em OS CAFAJESTES (de Ruy Guerra)
Odete Lara - em NOITE VAZIA (de Walter Hugo Khouri)
Sonia Braga - em A DAMA DO LOTAÇÃO (de Neville D´Almeida)
Vera Fisher - em AMOR, ESTRANHO AMOR (de Walter Hugo Khouri)
Yara Cortes - em A RAINHA DIABA (de Antonio Carlos Fontoura)
Zezé Motta - em XICA DA SILVA (de Carlos Diegues)

ATUAÇÕES MASCULINAS

Agildo Ribeiro - em TOCAIA NO ASFALTO (de Roberto Pires)
Antonio Pitanga - em A GRANDE CIDADE (de Carlos Diegues)
Bertrand Duarte - em O SUPEROUTRO (de Edgar Navarro)
Átila Iório - em VIDAS SECAS (de Nelson Pereira dos Santos)
Carlos Alberto Ricelli - em ELES NÃO USAM BLACK-TIE (de Leon Hirszman)
Carlos Imperial - em O MONSTRO CARAÍBA (de Júlio Bressane)
Claudio Cavalcanti - em CONTOS ERÓTICOS (episódio de Joaquim Pedro de Andrade)
Claudio Marzo - em NUNCA FOMOS TÃO FELIZES (de Murilo Sales)
Cyll Farney - em CHICO VIOLA NÃO MORREU (de Román Vañoly Barreto)
Eliezer Gomes - em ASSALTO AO TREM PAGADOR (de Roberto Faria)
Ênio Gonçalves - em  FILME DEMÊNCIA (de Carlos Reichenbach)
Grande Otelo - em MACUNAÍMA (de Joaquim Pedro de Andrade)
Hugo Carvana - em AVAETÉ, SEMENTE DA VIOLÊNCIA (de Zelito Viana)
Jece Valadão - em O BOCA DE OURO (de Nelson Pereira dos Santos)
José Lewgoy - em TERRA EM TRANSE (de Glauber Rocha)
Lázaro Ramos - em MADAME SATÃ (de Karim Anouiz)
Leonardo Vilar - em A HORA E A VEZ DE AUGUSTO MATRAGA (de Roberto Santos)
Lima Duarte - em SARGENTO GETÚLIO (de Hermano Penna)
Luis Linhares - em O BANDIDO DA LUZ VERMELHA (de Rogério Sganzerla)
Maurício do Valle - em DRAGÃO DA MALDADE CONTRA O SANTO GUERREIRO (de Glauber Rocha)
Milton Gonçalves - em A RAINHA DIABA (de Antonio Carlos Fontoura)
Milton Ribeiro - em O CANGACEIRO (de Lima Barreto)
Nelson Xavier - em O MÁGICO E O DELEGADO (de Fernando Cony Campos)
Othon Bastos - em DEUS E DIABO NA TERRA DO SOL (de Glauber Rocha)
Paulo Cesar Pereio - em BANG BANG (de Andrea Tonacci)
Paulo José - em O PADRE E A MOÇA (de Joaquim Pedro de Andrade)
Paulo Villaça - em O BANDIDO DA LUZ VERMELHA (de Rogério Sganzerla)
Reginaldo Faria - em LÚCIO FLÁVIO, O PASSAGEIRO DA AGONIA (de Hector Babenco)
Selton Mello - em LAVOURA ARCAICA (de Luis Fernando Carvalho)
Walmor Chagas - em SÃO PAULO SOCIEDADE ANÔNIMA (de Luis Sergio Person)

Outras notáveis performances que eu adoraria ter incluido:
André Villon - em BONITINHA, MAS ORDINÁRIA
Mário Sergio - em TERRA É SEMPRE TERRA
Luigi Picchi - em ESTRANHO ENCONTRO
Fregolente - em ASFALTO SELVAGEM
Carlos Kroeber - em A CASA ASSASSINADA
Joel Barcelos - em OVELHA NEGRA, UMA DESPEDIDA DE SOLTEIRO
Fernando Eiras - em O MANDARIM
Anselmo Duarte - em O CASO DOS IRMÃOS NAVES
Jorge Loredo - em O ABISMO
Ítala Nandi - em PECADO NA SACRISTIA
Fada Santoro - em NEM SANSÃO, NEM DALILA
Eliane Lage - em RAVINA
Fernanda Torres - em INOCÊNCIA
Débora Bloch - em NOITES DO SERTÃO
Dira Paes - em ANAHY DE LAS MISSIONES
Doris Monteiro - em AGULHA NO PALHEIRO
Eliana Macedo - em DEPOIS EU CONTO
Júlia Lemmertz - em UM COPO DE CÓLERA
Sabrina Greve - em UMA VIDA EM SEGREDO
Márcia Rodrigues - em GAROTA DE IPANEMA
Marieta Severo - em CARLOTA JOAQUINA, PRINCESA DO BRASIL
Maria do Rosário - JULIANA DO AMOR PERDIDO
Imara Reis - A FLÔR DO DESEJO
Lucélia Santos - em LUZ DEL FUEGO
Anilza Leone - em ELAS ATENDEM PELO TELEFONE
Marlise Saueressig - em OS MUCKER
Nathália Timberg - em VIAGEM AOS SEIOS DE DUÍLIA
Regina Casé - em O SEGREDO DA MÚMIA
Regina Dourado - em CORPO EM DELITO
Tonia Carrero - em TICO TICO NO FUBÁ
Bibi Vogel - em A MORTE TRANSPARENTE
Vera Vianna - em A HISTÓRIA DE UM CRÁPULA
Werner Schünemann - em NETTO PERDE SUA ALMA
Louise Cardoso - em LEILA DINIZ
Otávio Augusto - em O PRÍNCIPE

e, porque não?
Benjamin Cattan - em O IMPÉRIO DO DESEJO
Roberto Miranda - em AMOR, PALAVRA PROSTITUTA
Clarisse Abujamra - em ANJOS DO ARRABALDE
Vanessa Alves - em GAROTAS DO ABC



Escrito por Carlos Reichenbach às 01h30
[]


 
   COMENTÁRIOS & COMENTÁRIOS

TONACCI NA CONTRACAMPO
 Acabei de ler a bela entrevista de Andrea Tonacci para a Contracampo. O depoimento do diretor a respeito de CONVERSAS NO MARANHÃO e da bolsa nos Estados Unidos é um dos textos mais intrigantes que li ultimamente.
http://www.contracampo.com.br/79/artentrevistatonacci.htm
 Excelente também a análise de Daniel Caetano sobre SERRAS DA DESORDEM, o filme mais generoso (em vários sentidos) do cinema brasileiro recente.
http://www.contracampo.com.br/79/artserrasdadesordem.htm
 De quebra tem ainda, na seção de notas, um link para o trailer do novo filme de Nelson Pereira dos Santos (que eu vou "repicar" aqui), que é de dar água na bôca.
http://www.brasilia18.com.br/trailer.php

SOBRE O´TOOLE, GENERAL TANZ E CINEMA ARCÁICO
 João (blog DOUTOR DALTON) - "Duas coisas nesta longa lista me pegaram como soco no fígado. O general Tanz e o japones que vai morrer de cancer em Ikiru (Viver, de Kurosawa). Foi preciso ler o que você escreveu sobre a Noite dos Generais e o O'Toole para ter a certeza de que não fiquei maluco quando assisti o filme. Tinha dezesseis ou dezete anos. Era noite. Sai apavorado do cinema com medo de encontrar aquele general numa esquina. Era o medo do demônio que o general personificava. O medo impregnou na minha alma durante um bom tempo. Otole não personifica um nazista. Ele personifica o mal. Pelo menos foi isto que achei. Quanto a Ikiru, a cena em que ele canta "apaixone-se querida donzela", é uma das mais comoventes cenas musicais do cinema que conheço..."


  "A Noite dos Generais" é um dos meus maiores "guilty-pleasures". Um filme "arcaico" no sentido mais transgressivo do termo. Os últimos filmes de Robert Siodmak (O ADVOGADO DO DIABO, por exemplo) e Fritz Lang (OS MIL OLHOS DO DR. MABUSE) também incomodavam (e fascinavam) por causa disso. A gente saia do cinema com a impressão de ter visto um filme "velho", embora instigante. Dias depois o filme continuava "grudado" na cabeça e o "antigo" se revelava original, quando não vanguarda!

O poeta Murilo Mendes dizia: "Só é moderno, quem já foi antigo!"
 
SOBRE O INVENTÁRIO FEMININO
 Marcelo Carrard - "...Grande lembrança dos filmes de Kaneto Shindo e do Imamura, dois Mestres que merecem sempre uma revisão. O Pequeno Rincão de Deus parece que vai sair pela Aurora DVD."
 Sergio Andrade - "Concordo com o Carrard, a seleção nipônica está perfeita, belas e maravilhosas atrizes. Ótimas lembranças também de Irene Papas, Lucyna Winnicka e Eleanor Parker. Assim como no caso da lista masculina, esta nos permite relembrar momentos de intensa emoção que essas grandes atrizes nos proporcionaram, em filmes inesquecíveis! E que bom saber que O Pequeno Rincão de Deus será lançado, quero muito ver esse filme!"
 Eduardo Aguilar -"...como pude deixar de fora Deborah Kerr, e fora "Os Inocentes", ainda há "O Céu Por Testemunha", e acho q. por esse incluo Mitchum tb. E o q. falar de não incluir Irene Papas, Vanessa Redgrave e Barbara Stanwyck, e ainda Catherine Deneuve e Anna Karina, confesso envergonhado q. nunca assisti "A Malvada", mas Bette poderia estar por "O que teria acontecido..."
 Aílton Monteiro - "Melhor do que isso, só se tivesse foto de corpo inteiro da Claudia Koll..."

NÃO SEJA POR ISSO!



Escrito por Carlos Reichenbach às 18h13
[]


 
   INVENTÁRIO II

AS ANTOLÓGICAS ATUAÇÕES FEMININAS NO CINEMA

 Na avaliação de atrizes continuou valendo o crivo da "memória imediata". De Sumiko Sakamoto, que mandou arrancar dois dentes da arcada frontal para interpretar a idosa mãe de A BALADA DE NARAYAMA à disposição sáfica da deslumbrante Claudia Koll, que não se faz de rogada para arrancar a roupa em noventa por cento de TODAS AS MULHERES FAZEM, de Tinto Brass, todas as atrizes inventariadas abaixo representam o "rosto", o corpo e a alma dos filmes citados.

EM TEMPO
 Há muitos anos venho tentando confirmar, no meio do extenso elenco de NASHVILLE (de Robert Altman), o nome da genial atriz que personifica a garota vulgar que transa com meio mundo no festival para conseguir se apresentar no palco e que acaba sendo arremessada nos microfones, no final do filme, para desviar a atenção da platéia do incidente fatal que acontece no desfecho. O final de NASHVILLE é digno de antologia e o desempenho desta atriz é seu maior "achado". Posso estar enganado, mas desconfio que o nome desta atriz formidável é Carol McGinnis.

Falconetti - A PAIXÃO DE JOANA D´ARC (de Carl Th. Dreyer)
Sachiko Hidari - MULHER INSETO ("Nippon Konchuki", de Shohei Imamura)
Sumiko Sakamoto - A BALADA DE NARAYAMA ("Narayama Bushiko", de Shohei Imamura)
Claudia Cardinale - A MOÇA COM A VALISE (de Valerio Zurlini) e VAGAS ESTRELAS DA URSA MAIOR (de Luchino Visconti)
Ingrid Bergman - STROMBOLI e VIAGEM À ITÁLIA (ambos de Roberto Roselini)
Irene Papas - ELEKTRA (de Michael Cacoyannis)
Mariko Okada - AS TERMAS DE AKITSU ("Akitsu Onsen", de Yoshishige Yoshida)
Jean Seberg - ACOSSADO (de Jean-Luc Godard) e LILITH (de Robert Rossen)
Barbara Stanwyck - BOLA DE FOGO ("Ball of Fire", de Howard Hawks) e PACTO DE SANGUE ("Double Indemnity", de Billy Wilder)
Reiko Dan - A MULHER DE OSAKA ("Aru Osaka no Onna", de Eizo Sugawa)
Alida Valli - O GRITO (de Michelangelo Antonioni)
Natalie Wood - CLAMOR DO SEXO ("Splendor in the Grass", de Elia Kazan) e À PROCURA DO DESTINO ("Inside Daisy Clover", de Robert Mulligan)
Jeanne Moreau - EVA (de Joseph Losey)
Machiko Kyo - ALUCINAÇÃO SENSUAL ("Kagi", de Kon Ichikawa)
Liv Ullman - PERSONA (de Ingmar Bergman)
Lucyna Winnicka - MADRE JOANA DOS ANJOS (de Jerzy Kawalerowicz)
Isabelle Adjani - POSSESSÃO (de Andrzej Zulawski)
Nobuko Otowa - ONIBABA e GATO PRETO (ambos de Kaneto Shindo)
Bette Davis - A MALVADA ("All About Eve", de Joseph L. Mankiewicz)
Rita Hayworth - GILDA (de Charles Vidor)
Judy Garland - NASCE UMA ESTRELA ("A Star Is Born", de George Cukor)
Shelley Winters - UM LUGAR AO SOL ("A Place in the Sun", de George Stevens)
Anna Karina - A RELIGIOSA (de Jacques Rivette)
Elizabeth Taylor - DE REPENTE, NO ÚLTIMO VERÃO ("Suddenly, Last Summer", de Joseph L. Mankiewicz)
Diane Keaton - À PROCURA DE MISTER GOODBAR ("Looking for Mr. Goodbar", de Richard Brooks)
Tina Louise - O PEQUENO RINCÃO DE DEUS ("God's Little Acre", de Anthony Mann)
Judith Anderson - REBECCA (de Alfred Hitchcock) e LADY SCARFACE (de Frank Woodruff)
Shima Iwashita - O RETRATO DE CHIEKO ("Chieko-Sho", de Noboru Nakamura)
Eleanor Parker - À MARGEM DA VIDA ("Caged", de John Cromwell), SCARAMOUCHE (de Geoge Sidney) e MELODIA INTERROMPIDA (de Curtis Bernhardt)
Dorothy Dandridge - CARMEM JONES (de Otto Preminger) e TAMANGO (de John Berry)
Dorothy Malone - PALAVRAS AO VENTO ("Written on the Wind", de Douglas Sirk)
Emmanuelle Béart - A BELA INTRIGANTE (de Jacques Rivette)
Catherine Deneuve - A BELA DA TARDE e TRISTANA (ambos de
Luis Buñuel)
Halle Berry - POLITICAMENTE INCORRETO ("Bulworth", de Warren Beatty)
Holly Hunter - A FIRMA (de Sydney Pollack)
Deborah Kerr - OS INOCENTES (de Jack Clayton) e CHÁ E SIMPATIA (de Vincent Minelli)
Vanessa Redgrave - OS DESAJUSTADOS DO AMOR ("Drop-out", de Tinto Brass) e ISADORA (de Karel Reisz)
Claudia Koll - TODAS AS MULHERES FAZEM ("Così fan tutte", de Tinto Brass)



Escrito por Carlos Reichenbach às 17h15
[]


 
   Inventário

AS MAIORES ATUAÇÕES MASCULINAS DO CINEMA

 Instado pelos blogs de Eduardo Aguilar (A Rebeldia, o Sonho e o Cinema) e Sergio Andrade (Kinocrazy), que se inspiraram num "achado" da revista Première, fui mergulhar na minha "memória imediata" em busca das atuações mais notáveis do cinema mundial. O crivo foi o da prospecção instintiva, longe das enciclopédias de cinema e similares. O inventário abaixo privilegiou atuações antológicas e inesquecíveis. Atuações memoráveis são aquelas que se tornam a "cara" da obra e  nem sempre pressupoem competência ou perfeicionismo do profissional (embora, quase sempre, sejam qualidades intrínsicas do atores citados). Um exemplo típico: como dissociar a catadura de Robert Mitchum, um notório "entediado profissional", quase sempre tachado (injustamente) de canastrão, da "anima" da obra-prima de Charles Laughton, O MENSAGEIRO DO DIABO (The Night of the Hunter). O notável Peter O´Toole exacerba caras, bocas, tiques e maneirismos em A NOITE DOS GENERAIS, mas - exatamente por estes calculados excessos, na certa exigidos pelo diretor Litwak, herdeiro tardio do expressionismo - tornam a personificação histriônica do General Tanz, o próprio cerne deste grande filme ("antigo" ou "quase remoto") substimado.

Nikolai Cherkasov - IVAN, O TERRÍVEL (de Sergei M. Eisenstein)
Peter Lorre - M., O VAMPIRO DE DUSSELDORF (de Fritz Lang)
Wolfgang Preiss - pela personificação do Dr. Mabuse, em vários filmes com este personagem.
Orson Welles - CIDADÃO KANE e A MARCA DA MALDADE (ambos de Orson Welles)
Klaus Kinski- WOYZECK (de Werner Herzog)
Michel Picolli -  A BELA INTRIGANTE (de Jacques Rivette)
George C. Scott - A ILHA DO ADEUS (de Franklin Schaffner) e HARDCORE (de Paul Schrader)
Robert de Niro - TAXI DRIVER (de Martin Scorcese)
Carlo Battisti - HUMBERTO D (de Vittorio de Sica)
Marlon Brando - APOCALYPSE NOW (de Francis Ford Coppola)
Stacy Keach - CIDADE DAS ILUSÕES ("Fat City", de John Huston)
Denzel Washington - COURAGE UNDER FIRE (de Edward Zwick)
Michael Caine - JOGO MORTAL ("Sleuth", de Joseph L. Mankiewicz)
Laurence Olivier - MARATONA DA MORTE ("Marathon Man" de John Schlesinger)
Al Pacino - O PODEROSO CHEFÃO I, II e III (de Francis Ford Coppola)
Don Murray - ALMAS REDIMIDAS ("Hoodlum Priest", de Irvin Kershner)
Akim Tamiroff - A MARCA DA MALDADE e O PROCESSO (ambos de Orson Welles)
Vincent D'Onofrio - FULL METAL JACKET (de Stanley Kubrick)
Jack Lemmon - DAYS OF WINE AND ROSES (de Blake Edwards)
Takashi Shimura - VIVER ("Ikiru", de Akira Kurosawa)
Robert Mitchum - O MENSAGEIRO DA MORTE ("Night of the Hunter", de Charles Laughton)
Chishu Ryu - A ROTINA TEM SEU ENCANTO ("Sanma no aji", de Yasujiro Ozu)
Tatsuya Nakadai - HARAKIRI ("Seppuku", de Massaki Kobayashi)
Dirk Bogarde - O CRIADO ("The Servant", de Joseph Losey) e "O HOMEM DE KIEV" ("The Fixer", de John Frankenheimer)
Burt Lancaster - ENTRE DEUS E O PECADO ("Elmer Gantry", de Richard Brooks)
Gian Maria Volonté - AS PORTAS DA JUSTIÇA ("Porte Aperte", de Gianni Amelio) e FACCIA A FACCIA (de Sergio Sollima)
Woody Strode - SENTADO A SUA DIREITA (de Valerio Zurlini)
Peter Sellers - DOUTOR FANTÁSTICO (de Stanley Kubrick)
Ugo Tognazzi - A COMILANÇA ("La Grande Bouffe", de Marco Ferreri) e VENHA DORMIR LÁ EM CASA ESTA NOITE ("La Stanza del Vescovo", de Dino Risi)
Peter O'Toole - LAWRENCE DA ARÁBIA (de David Lean) e A NOITE DOS GENERAIS (de Anatole Litvak)
Anthony Quinn - SANGUE SOBRE A NEVE ("The Savage Innocents", de Nicholas Ray)

inclusão obrigatória:
Maurice Ronet - TRINTA ANOS ESTA NOITE ("Le Feu follet", de Louis Malle)
 



Escrito por Carlos Reichenbach às 13h59
[]


 
  [ ver mensagens anteriores ]  
 
 
HISTÓRICO
 03/08/2008 a 09/08/2008
 27/07/2008 a 02/08/2008
 13/07/2008 a 19/07/2008
 06/07/2008 a 12/07/2008
 22/06/2008 a 28/06/2008
 15/06/2008 a 21/06/2008
 08/06/2008 a 14/06/2008
 25/05/2008 a 31/05/2008
 11/05/2008 a 17/05/2008
 04/05/2008 a 10/05/2008
 27/04/2008 a 03/05/2008
 20/04/2008 a 26/04/2008
 13/04/2008 a 19/04/2008
 06/04/2008 a 12/04/2008
 30/03/2008 a 05/04/2008
 23/03/2008 a 29/03/2008
 16/03/2008 a 22/03/2008
 09/03/2008 a 15/03/2008
 02/03/2008 a 08/03/2008
 24/02/2008 a 01/03/2008
 17/02/2008 a 23/02/2008
 10/02/2008 a 16/02/2008
 03/02/2008 a 09/02/2008
 27/01/2008 a 02/02/2008
 20/01/2008 a 26/01/2008
 13/01/2008 a 19/01/2008
 06/01/2008 a 12/01/2008
 30/12/2007 a 05/01/2008
 23/12/2007 a 29/12/2007
 16/12/2007 a 22/12/2007
 09/12/2007 a 15/12/2007
 02/12/2007 a 08/12/2007
 25/11/2007 a 01/12/2007
 18/11/2007 a 24/11/2007
 11/11/2007 a 17/11/2007
 04/11/2007 a 10/11/2007
 21/10/2007 a 27/10/2007
 14/10/2007 a 20/10/2007
 07/10/2007 a 13/10/2007
 30/09/2007 a 06/10/2007
 23/09/2007 a 29/09/2007
 02/09/2007 a 08/09/2007
 26/08/2007 a 01/09/2007
 19/08/2007 a 25/08/2007
 12/08/2007 a 18/08/2007
 05/08/2007 a 11/08/2007
 29/07/2007 a 04/08/2007
 22/07/2007 a 28/07/2007
 15/07/2007 a 21/07/2007
 08/07/2007 a 14/07/2007
 01/07/2007 a 07/07/2007
 24/06/2007 a 30/06/2007
 17/06/2007 a 23/06/2007
 10/06/2007 a 16/06/2007
 03/06/2007 a 09/06/2007
 27/05/2007 a 02/06/2007
 20/05/2007 a 26/05/2007
 13/05/2007 a 19/05/2007
 22/04/2007 a 28/04/2007
 15/04/2007 a 21/04/2007
 08/04/2007 a 14/04/2007
 01/04/2007 a 07/04/2007
 25/03/2007 a 31/03/2007
 18/03/2007 a 24/03/2007
 11/03/2007 a 17/03/2007
 04/03/2007 a 10/03/2007
 25/02/2007 a 03/03/2007
 18/02/2007 a 24/02/2007
 11/02/2007 a 17/02/2007
 04/02/2007 a 10/02/2007
 28/01/2007 a 03/02/2007
 21/01/2007 a 27/01/2007
 14/01/2007 a 20/01/2007
 07/01/2007 a 13/01/2007
 31/12/2006 a 06/01/2007
 24/12/2006 a 30/12/2006
 17/12/2006 a 23/12/2006
 10/12/2006 a 16/12/2006
 03/12/2006 a 09/12/2006
 26/11/2006 a 02/12/2006
 19/11/2006 a 25/11/2006
 12/11/2006 a 18/11/2006
 05/11/2006 a 11/11/2006
 29/10/2006 a 04/11/2006
 22/10/2006 a 28/10/2006
 15/10/2006 a 21/10/2006
 08/10/2006 a 14/10/2006
 01/10/2006 a 07/10/2006
 24/09/2006 a 30/09/2006
 17/09/2006 a 23/09/2006
 10/09/2006 a 16/09/2006
 03/09/2006 a 09/09/2006
 27/08/2006 a 02/09/2006
 20/08/2006 a 26/08/2006
 30/07/2006 a 05/08/2006
 09/07/2006 a 15/07/2006
 02/07/2006 a 08/07/2006
 25/06/2006 a 01/07/2006
 18/06/2006 a 24/06/2006
 11/06/2006 a 17/06/2006
 04/06/2006 a 10/06/2006
 28/05/2006 a 03/06/2006
 21/05/2006 a 27/05/2006
 14/05/2006 a 20/05/2006
 07/05/2006 a 13/05/2006
 30/04/2006 a 06/05/2006
 23/04/2006 a 29/04/2006
 16/04/2006 a 22/04/2006
 09/04/2006 a 15/04/2006
 02/04/2006 a 08/04/2006
 19/03/2006 a 25/03/2006
 12/03/2006 a 18/03/2006
 05/03/2006 a 11/03/2006
 19/02/2006 a 25/02/2006
 12/02/2006 a 18/02/2006
 05/02/2006 a 11/02/2006
 29/01/2006 a 04/02/2006
 22/01/2006 a 28/01/2006
 15/01/2006 a 21/01/2006
 08/01/2006 a 14/01/2006
 01/01/2006 a 07/01/2006
 25/12/2005 a 31/12/2005
 18/12/2005 a 24/12/2005
 11/12/2005 a 17/12/2005
 04/12/2005 a 10/12/2005
 27/11/2005 a 03/12/2005
 20/11/2005 a 26/11/2005
 13/11/2005 a 19/11/2005
 06/11/2005 a 12/11/2005
 30/10/2005 a 05/11/2005
 23/10/2005 a 29/10/2005
 16/10/2005 a 22/10/2005
 02/10/2005 a 08/10/2005
 25/09/2005 a 01/10/2005
 18/09/2005 a 24/09/2005
 11/09/2005 a 17/09/2005
 04/09/2005 a 10/09/2005
 28/08/2005 a 03/09/2005
 21/08/2005 a 27/08/2005
 14/08/2005 a 20/08/2005
 07/08/2005 a 13/08/2005
 31/07/2005 a 06/08/2005
 24/07/2005 a 30/07/2005
 17/07/2005 a 23/07/2005
 10/07/2005 a 16/07/2005
 26/06/2005 a 02/07/2005
 19/06/2005 a 25/06/2005
 12/06/2005 a 18/06/2005
 05/06/2005 a 11/06/2005
 29/05/2005 a 04/06/2005
 22/05/2005 a 28/05/2005
 15/05/2005 a 21/05/2005
 08/05/2005 a 14/05/2005
 01/05/2005 a 07/05/2005
 24/04/2005 a 30/04/2005
 17/04/2005 a 23/04/2005
 10/04/2005 a 16/04/2005
 03/04/2005 a 09/04/2005
 27/03/2005 a 02/04/2005
 20/03/2005 a 26/03/2005
 13/03/2005 a 19/03/2005
 06/03/2005 a 12/03/2005
 20/02/2005 a 26/02/2005
 13/02/2005 a 19/02/2005
 06/02/2005 a 12/02/2005



OUTROS SITES
 TODOS OS LINKS CONSULTADOS E VISITADOS PELO REDUTO DO COMODORO
 LINKS RÁPIDOS [DE PESQUISA]
 OLHOS LIVRES - o site de Carlos Reichenbach
 REDUTO DO COMORO - Ampliado no site OLHOS LIVRES
 REDUTO DO COMODORO 2004
 O ESSENCIAL DO FILME NOIR
 O ESSENCIAL DO FAROESTE AMERICANO
 O ESSENCIAL DO FILME DE GANGSTER
 O ESSENCIAL DO FAROESTE SPAGUETTI
 O ESSENCIAL DO FILME MUSICAL AMERICANO
 O ESSENCIAL DO CINEMA EXTREMO
 O ESSENCIAL DO FILME FANTÁSTICO E DE HORROR PARTE 1
 O ESSENCIAL DO CINEMA FANTÁSTICO E DO FILME DE HORROR - ANOS 60
 O ESSENCIAL DO CINEMA FANTÁSTICO E DO FILME DE HORROR - ANOS 70
 O ESSENCIAL DO CINEMA FANTÁSTICO E DO FILME DE HORROR - ANOS 80
 PERFORMANCES ANTOLÓGICAS DO CINEMA BRASILEIRO


VOTAÇÃO
 Dê uma nota para meu blog!